O mestre e a vaquinha no penhasco


Publicado 01/02/2015 21:00

Conta a história que um mestre muito sábio passeava por uma floresta com o seu fiel discípulo quando avistou ao longe um sitio de aparência pobre e resolveu fazer uma visita aos moradores.

Chegando ao sítio, eles constataram a enorme pobreza do lugar, sem calçamento, casa de chão batido...Os moradores, um casal e três filhos, vestidos com roupas sujas e rasgadas.

Mestre e discípulo se aproximaram do pai de família e perguntaram:

– Como o senhor e sua família sobrevivem aqui se nestas áreas não há sinais de comércio e indústria? Do que vocês vivem?

O homem, calmamente, respondeu:

– Meu amigo, nós temos uma vaquinha que nos dá vários litros de leite todos os dias. Uma parte deste leite nós trocamos por outros alimentos no povoado vizinha. O resto nós produzimos queijo e coalhada para o nosso consumo e, assim, vamos sobrevivendo.

O mestre agradeceu a informação e contemplou o lugar por alguns momentos. Depois, junto com o discípulo, se despediu e foram embora.

No meio do caminho, o mestre voltou-se para o seu fiel discípulo e ordenou:

– Vá até o sítio, pegue a vaquinha, leve até o penhasco e a jogue lá embaixo.

O jovem arregalou os olhos espantado, questionando a atitude de seu mestre: como faria aquilo se a vaquinha era o único meio de sobrevivência daquela família? Mas, diante do silêncio absoluto do sábio, foi cumprir a ordem com dor no coração. Pegou a vaquinha e a empurrou penhasco abaixo.

Aquela cena ficou marcada na memória do jovem, atormentado durante anos pela dúvida se aquela família havia conseguido sobreviver.  Até que um dia o discípulo decidiu voltar para aquele local para pedir perdão e tentar ajudar a família de alguma forma.

Chegando ao local, entrou em desespero ao avistar  uma casa bonita, toda murada, com árvores e flores no quintal, um carro na garagem, crianças brincando no jardim. Ficou triste, imaginando que aquela humilde família tivera que vender o sítio para sobreviver. Chegou ao portão e foi recebido por um caseiro muito simpático, a quem perguntou sobre a família que ali morava anos atrás. O funcionário então respondeu:

– Continuam morando aqui.

Espantado, ele entrou correndo na casa e viu a mesma família que visitara com seu mestre. Elogiou o local e perguntou ao pai.

– Como o senhor melhorou este sítio e está tão bem de vida?

E o homem,  entusiasmado, respondeu:

– Ah, nós tínhamos uma vaquinha que era a nossa fonte sobrevivência, mas um dia ela caiu no penhasco e morreu. Depois disso, nós só tínhamos um caminho: parar de reclamar do acontecido, reagir e fazer outras coisas para sobreviver. Foi aí que descobrimos habilidades que nem sabíamos ter. Assim conseguimos o sucesso que pode ser visto agora.

Reflexão
Todos nós temos vaquinhas que estão atrapalhando nossa visão de enxergarmos algo maior. Às vezes temos que abandoná-la para que possamos criar novas possibilidades. É preciso deixar a reclamação de lado pelo que não deu certo e lutar!  Uma nova vida é possível se mudarmos de atitude! Não lamentemos mais as vaquinhas que perdemos nos penhascos da vida... Mas vamos descobrir novas possibilidades de vencer!!!







RADIO ARAUTO FM - VERA CRUZ
(51) 3718-3800 (estúdio)
(51) 3718-3400 (comercial)
Rua Jacob Blész, 38 - Vera Cruz - RS
Caixa Postal 58 - CEP: 96880-000
RADIO ARAUTO FM - SANTA CRUZ DO SUL
(51) 2109-0066 (recepção)
Rua Venâncio Aires, esq. Galvão Costa, nº 5
Santa Cruz do Sul - CEP: 96810-204
Copyright © 2017 Rádio Arauto FM - www.arautofm.com.br DB New