Torradas queimadas


Publicado em 24/09/2018

Eu tinha uns oito ou nove anos e estávamos todos reunidos na sala de casa. O dia tinha sido difícil, especialmente para o meu pai, que chegou do trabalho exausto. O menu do jantar era sopa e minha mãe tinha feito uma torrada e preparado uma manteiga com ervas para dar uma incrementada. Mas quando sentei à mesa, o que eu vi ali não eram torradas: pareciam pedaços de carvão! O pão tinha queimado e parecia intragável. Eu hesitei, sem saber o que dizer, e esperei para ver a reação do meu pai.

E ele agiu como se nada tivesse acontecido. Pegou o pão esturricado, passou manteiga e comeu com gosto. Ao mesmo tempo, me perguntou sobre o meu dia, se já tinha terminado o dever de casa, estas coisas. Já não me lembro do que respondi, mas o que aconteceu depois eu nunca vou esquecer. Minha mãe começou a se desculpar pela janta simples, pelo pão queimado, mas meu pai sorriu e disse: “Que bobagem. Eu gosto de torrada assim!”

Mais tarde, quando ele entrou no meu quarto para dar boa noite, eu perguntei se era verdade que ele tinha gostado daquela torrada horrível. Ele me abraçou e disse: “Sua mãe teve um dia longo e estressante. Acontece de vez em quando. E um pedacinho de torrada queimada não mata ninguém. O que machuca é dizer a coisa errada na hora errada!” Ele então me abraçou mais uma vez e continuou: “Você vai aprender que, na vida, as coisas nem sempre saem como a gente quer. Nós não somos perfeitos. Eu, por exemplo, vivo esquecendo compromissos e o nosso aniversário de casamento. Mas, como o passar do tempo, a gente aprende a aceitar os pequenos deslizes e erros dos outros. A gente aprende até a amá-los! Esse é o segredo de um relacionamento longo e feliz entre duas pessoas. A vida é curta demais para a gente desperdiçar reclamando das coisas. É melhor simplesmente amar as pessoas que só querem o seu bem. E ter um pouco de compreensão com as que ainda não se deram conta disso”.

ArautoFM




RADIO ARAUTO FM - VERA CRUZ
(51) 3718-3800 (estúdio)
(51) 3718-3400 (comercial)
Rua Jacob Blész, 38 - Vera Cruz - RS
Caixa Postal 58 - CEP: 96880-000
RADIO ARAUTO FM - SANTA CRUZ DO SUL
(51) 2109-0066 (recepção)
Rua Venâncio Aires, esq. Galvão Costa, nº 5
Santa Cruz do Sul - CEP: 96810-204
Copyright © 2017 Rádio Arauto FM - www.arautofm.com.br